Idade Maior

A Mama

Diferenças e mudanças na mama são alguns dos aspectos abordados no capítulo 15. Segue-se um breve excerto.


citaçãoDiferenças e Mudanças
Os seios variam muito de mulher para mulher, em função da cor da pele e do mamilo, do volume e da consistência. As mulheres que já amamentaram ficam com a mama esvaziada e mais pendente. Esta é a evolução das mães. Um corpo materno não é igual a um corpo de uma mulher que não teve ou não amamentou filhos. No entanto, se os seios ficam como sacos caídos sobre o estômago, podem merecer uma correcção plástica. Com a menopausa, os seios sofrem uma evolução em que o tecido glandular é substituído a pouco e pouco por tecido fibroso e gordo. O corpo muda.
Estas são as mudanças naturais do corpo humano a evoluir. Só se forem muito grandes deverão merecer uma atenção especial. No entanto, há outras mudanças que devem ser assinaladas.

Mudanças a vigiar
Há mudanças que devem ser assinaladas e levar a uma ida ao médico.

Aspecto
No tamanho, na forma, na cor da pele.
Se aumenta o tamanho, se há uma saliência.
Se há pele enrugada ou em «pele de laranja»
Se há vermelhidão.

Mamilos
Se aumentam de tamanho, ou mudam de forma ou cor.
Se o mamilo que está habitualmente saliente, passa a estar retraído.

Nódulo
Se na palpação do seio se encontra um nódulo (caroço), não é necessário ficar alarmada, porque a maior parte são inofensivos. Mas é necessário ir de imediato ao médico para fazer exames. O cancro da mama, quando diagnosticado no início pode ser curado.

Dor
Os seios ficam doridos, dos dois lados, antes da menstruação. Por outro lado, há dores das articulações e dos nervos que percorrem o sulco inferior das costelas, que se sentem no peito e que não correspondem às mamas. No entanto, uma dor persistente e intensa na mama ou na axila, sobretudo se for de um só lado e se for à palpação, deve merecer uma ida ao médico.

Corrimento mamilar
Se a mulher tiver excreção de leite dos dois mamilos sem estar grávida (galactorreia), o mais provável é que esteja com elevação de prolactina. A prolactina aumenta se houver um tumor benigno da hipófise (prolactinoma) ou por acção de medicamentos. Mas o corrimento mamilar, sobretudo de um só lado, pode também corresponder a infecção, a quistos ou mesmo a cancro. Se for sanguinolento, deve merecer mais atenção.fim de citação